Fim da pandemia de Covid-19 como emergência global de saúde é decretado pela OMS 

Foto: Reprodução

Nesta sexta-feira (5), Organização Mundial de Saúde (OMS) decretou o fim da pandemia de Covid-19 como emergência mundial de saúde. O órgão estabelece que o atual quadro da doença, com baixa casos de internação e transmissão e aumento do acesso a imunizantes, não constitui mais uma emergência de saúde pública internacional.  

Dentro de três anos, o coronavírus causou quase 7 milhões de mortes em todo o mundo, tendo sido diagnosticados e reportados mais de 765 milhões de casos, de acordo com os dados mais recentes da OMS. 

Autoridades de Saúde acreditam que os números reais são muito maiores. No discurso dado, nesta sexta, declarando o fim da emergência de saúde, Tedros Adhanom disse que a pandemia matou “pelo menos 20 milhões de pessoas”. O número apresentado é quase três vezes maior que o número oficial de mortes contabilizado pelos países. 

No Brasil, 701.494 óbitos foram confirmados desde a última atualização do Ministério da Saúde, em 26 de abril. Na Bahia, o registro é de 31. 542 mortes. 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui